domingo, 23 de abril de 2017

Estudo da Doutrina do Pecado (IV)


Dando continuidade ao estudo, vamos à questão: Quais as consequências que o pecado traz para o ser humano?
Como texto áureo eu usarei: " Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor." (Romanos 6:23). 

A lei do pecado é esta: pecado gera pecado. Quando se comete algo mau pela primeira vez, faz-se com dúvida e tremor. Na segunda vez  fica mais fácil e rotineiro. Até chegar um ponto que será preciso mais e mais para garantir uma emoção. Por isso, começar no caminho do pecado é avançar mais e mais.  Está escrito: " Um abismo chama outro abismo...". (Salmos 42:7 a).

Para salário, o apóstolo Paulo usa o termo grego (ψώινα). A  palavra grega Opsonia era o pagamento do soldado, algo que ele ganhava arriscando o seu corpo; algo que lhe era devido e não podia se tirar dele. O pecado faz o ser humano arriscar o próprio corpo e, suas consequências não são tiradas dele, pois é o resultado pelo risco. Tal resultado é a morte (física e espiritual). 

Para o termo dom, usa a palavra grega (χάρισμα); carisma ou karisma é o mesmo termo do latim donativum, que significa a retribuição livre e imerecida que o exército recebia algumas vezes. Quando em ocasião especial por exemplo, aniversário do imperador, sua ascensão ao trono ou na data de sua ascensão, este entregava uma dádiva para seu exército. 

Logo, o pecado merece a morte. Esse é o pagamento recebido. A morte é a dívida que temos direito. Entretanto, o que recebemos é uma dádiva; não ganhamos e nem merecíamos, mas em sua graça Deus nos deu a vida eterna em Cristo Jesus.

A consequência maior do pecado é a morte, seja física ou espiritual.  Mas vamos abordar o efeito gradativo do pecado:

1- Afetam o relacionamento homem com Deus: 

Desfavor divino " Os arrogantes não são aceitos na tua presença; odeias todos os que praticam o mal." (Salmos 5:5). E diz mais: " Antes vocês estavam separados de Deus e, na mente de vocês, eram inimigos por causa do mal procedimento de vocês." (Colossenses 1:21).

Culpa. " e orei: Meu Deus, estou por demais envergonhado e humilhado para levantar o rosto diante de ti, meu Deus, porque os nossos pecados cobrem a nossa cabeça e a nossa culpa sobe até os céus." (Esdras 9:6). E também: "Pois quem obedece toda a Lei, mas tropeça em apenas um ponto, torna-se culpado de quebrá-la inteiramente." (Tiago 2:10).

2- Afetam o próprio pecador: 

Escravidão. " Mas graças a Deus, porque, embora vocês tenham sido escravos do pecado, passaram a obedecer decoração à forma de ensino que lhes foi transmitida." (Romanos 6:17).

Inquietação. " Enquanto eu mantinha escondido os meus pecados, o meu corpo definhava de tanto gemer." (Salmos 32:3).

Além desses dois, a consequência do pecado pode afetar o relacionamento com o próximo. Por isso vemos tanta inveja, jactância(altivez), facções, orgulhos, confusão espiritual (daí a origem do ateísmo). 

Toda raça humana é pecadora; o pecado afetou toda a estrutura do ser humano (corpo, alma e espírito). Esse é o motivo das paixões infames. Mas quando recebemos Cristo como Senhor suficiente e eterno Salvador, nossos pecados são perdoados e por meio da fé somos salvos em Cristo, conforme Paulo diz:

"Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vós, é dom de Deus." (Efésios 2:8).  

Percebemos a palavra grega (χάριτί) chariti para graça, ou seja, algo não merecido. 

Voltando ao versículo áureo, Romanos 6:23, a palavra  vida é o termo grego (zoé), ou seja  a vida de Deus. Existem três outras palavras para vida no Novo Testamento: Psuche =  vida natural; Bios = maneira de viver; Anastrophe= comportamento. 
O termo Zoé é a vida que Deus tem: incorruptível, eterna, enfim, é a vida dada por Deus através de Jesus Cristo.

Que Jesus abençoe a todos!

Pr. Weliton Santos - Líder da Igreja Batista Casa de Deus (Ministério Salvador) e Palestrante. Contatos: 11 98136-6877. 

   
  

Nenhum comentário:

Postar um comentário